Dicas do Rivaldo: Erros individuais colocaram PSG em posição desvantajosa

Rivaldo considera que o PSG ainda pode operar uma virada na Inglaterra...

Em semana de Champions e Libertadores, nosso Embaixador Rivaldo comenta sobre a situação dos times em competição e ainda deixa mais um comentário sobre a Superliga Europeia...

"Eu penso que o PSG fez um grande primeiro tempo e mereceu sair na frente do placar, porém, teve dois descuidos fatais no segundo tempo que permitiram ao City tomar a dianteira da eliminatória."

Tivemos as partidas de ida das semifinais da Liga dos Campeões essa semana e ontem o PSG acabou concedendo uma virada contra o Manchester City enquanto anfitrião.

Mas como eu costumo dizer esse tipo de decisões tem 180 minutos e ainda falta a segunda parte, então, eu estou certo de que o time francês ainda acredita numa remontada, especialmente tendo em conta que tem Neymar, Kylian Mbappe e Angel Di Maria para poderem fazer diferença no jogo lá na Inglaterra.

Na verdade, eu penso que o PSG fez um grande primeiro tempo e mereceu sair na frente do placar, porém, teve dois descuidos fatais no segundo tempo que permitiram ao City tomar a dianteira da eliminatória.

O time inglês só cresceu na partida após empatar o desafio, então, ficou a ideia de que o PSG poderia ter conseguido um placar muito melhor nessa partida, pelo que certamente continuará acreditando que é possível seguir adiante na competição.

Mas o futebol é mesmo assim e quando o City parecia por baixo acabou fazendo dois gols. Agora, o mesmo poderá acontecer no jogo de volta, mas em sentido contrário, por isso, embora o time de Guardiola esteja em vantagem, nada está ainda decidido.

Experiência do Real Madrid pode valer mais uma Final de Champions


O Chelsea traz vantagem mínima da partida de ida na Espanha após empate de 1-1, porém essa vantagem é menor considerando que não haverá torcida em Londres, então, eu considero que essa eliminatória está totalmente em aberto e quem sabe a superior experiência do Real Madrid nesses jogos de decisão pode acabar fazendo a diferença no final.

benzema_madrid_2904.jpg

Karim Benzema voltou a ser decisivo para o time merengue empatando a partida num grande movimento dentro da área, e sua atual capacidade de definir junto do gol o torna num jogador crucial para as ambições do time de Zidane.

Ele é um atacante muito completo, pois além dos gols que faz também é muito bom a assistir para seus companheiros através da sua grande qualidade técnica, o tornando num jogador realmente decisivo no time espanhol.

Ele se tornou num jogador de grandes momentos por conta da sua personalidade e parece evidente que todo o time e torcedores do Real Madrid confiam muito nele atualmente.

Barça e Real Madrid agarrados à Superliga Europeia por questões financeiras


Juan Laporta reforçou essa semana que o Barcelona continua dentro da Superliga Europeia, apesar dos recuos de 10 clubes, e embora seja notório que a decisão final só poderia ser tomada após ouvir os sócios do clube, eu considero que essa insistência nessa nova liga se deve somente a questões financeiras.

Como tem sido visível durante esse período de pandemia, tanto Barcelona como Real Madrid revelaram publicamente suas dificuldades financeiras inclusive negociando abaixamentos salariais com seus jogadores, então, sem dúvida que a razão mais válida para uma Superliga Europeia seria o dinheiro.

Mas eu acredito que esse projeto não terá futuro, pois os torcedores não querem que isso aconteça e é difícil combater contra seus próprios fãs e sócios. Honestamente, e embora o Barcelona ainda esteja dentro do assunto, eu desvalorizo um pouco essa posição do clube pois não estou imaginando que essa nova competição possa ir adiante no futuro por ser uma desconsideração por todos os outros clubes que ficariam de fora dessa elite.

Seleção inglesa tinha um grande time em 2002


Este ano vai ter Eurocopa e a seleção inglesa volta a ser muito falada como uma das favoritas a levar o troféu. Eu me lembro que na Copa do Mundo de 2002 eles tinham uma grande equipe e com certeza se têm passado pelo Brasil nas Quartas de Final se teriam tornado grandes favoritos a levar essa Copa.

brazil_england_rivaldo_scholes_2904.jpg

Aquele jogo das quartas de final foi bem difícil pois após o grande gol do Ronaldinho Gaúcho ele acabou expulso e precisámos sofrer por mais de 30 minutos. Eu acredito que se o Ronaldinho não faz esse gol as coisas teriam sido ainda mais complicadas, porém, o Brasil estava muito forte nessa Copa e não seria fácil de alguém nos derrubar.

Claro, a Inglaterra tinha um grande time na altura e poderia ter brigado forte pelo título caso tivesse passado por nós, mas nós estávamos muito confiantes e unidos e acabámos trazendo o Penta para o Brasil.

Grêmio é meu favorito brasileiro na CONMEBOL Sul-Americana


Essa temporada, temos sete times brasileiros disputando a Copa Sudamericana de onde se destacam clubes tradicionais como o Grêmio e o Corinthians, porém, eu me inclino mais para o lado do Tricolor Gaúcho por ter um elenco consolidado que não sofreu grandes mudanças.

O Corinthians é um time de grande tradição, mas não vem vivendo bons momentos nos últimos anos e eu acredito que o clube ainda vive um período de reorganização tanto dentro quanto fora do gramado, então, talvez seja um pouco cedo para retornar já à briga pelos títulos continentais.

Assim, e com todo o respeito pelos outros seis clubes em competição, eu me fico com o Grêmio como aquele time que mais chance tem de poder levar o título da Sudamericana em 2021.

Galo não pode ser descartado da briga pela CONMEBOL Libertadores


Nesse começo de campanha na Libertadores há três times brasileiros que estão mostrando mais sua força. Falo do Palmeiras, Flamengo e São Paulo, porém, também acredito que o Atlético Mineiro tem um elenco suficientemente forte para entrar nessa briga.

hulk_atletico_2904.jpg

O time onde agora brilha Hulk tem investido muito em seu elenco e com certeza terá fortes argumentos para batalhar por um título que conquistou em 2013.

O Palmeiras teve ali uma fase complicada perdendo duas competições numa semana, porém o time está voltando à sua melhor forma novamente. O Fla continua com um time muito forte e normalmente estará na briga pelo título, e o São Paulo de Crespo vem brilhando nesse começo de temporada e tem a mescla de juventude e experiência necessárias para fazer grande campanha.

Neymar precisa da Copa do Mundo para silenciar críticas no Brasil


O Neymar tem uma carreira que fala por si tanto ao nível de clubes como na seleção brasileira, no entanto, ele continua recebendo críticas em seu próprio país e fica difícil entender por que razão isso continua acontecendo.

neymar_brazil_2904.jpg

Ele é um fantástico jogador e uma referência do futebol brasileiro em todo o mundo, mas isso é algo que sempre acontece no Brasil e eu também sofri um pouco com isso.

As coisas só melhoraram para mim quando consegui conquistar a Copa do Mundo de 2002, pois desde aí o reconhecimento do povo brasileiro foi muito maior, então, enquanto ex-jogador e atual torcedor da seleção só posso desejar que o Neymar possa guiar o Brasil ao título da Copa do Mundo no Catar em 2022 a 7.4013/2.

Só assim ele poderá calar definitivamente seus críticos no Brasil. Nós somos um povo exigente pois sempre fomos dos melhores do mundo jogando futebol e nossa tolerância sempre fica mais curta do que noutros países.

Saída de Ariel Holan é o espelho do futebol brasileiro


O novo técnico do Santos Ariel Holan pediu sua demissão pouco tempo após assumir o comando do clube por conta da grande hostilização de que vinha sendo alvo por parte da torcida santista.

Esse é mais um exemplo de que no futebol brasileiro você não tem tempo de montar um projeto de médio prazo pois se os primeiros resultados não aparecerem a pressão será tanta que o presidente dificilmente resistirá a uma mudança técnica.

Nesse caso, até foi o próprio treinador a pedir para sair, mas mesmo que não o fizesse talvez dentro de umas semanas ele fosse demitido pelo presidente por causa da grande pressão da torcida.

Se tem falado muito que o futebol brasileiro deveria adotar as boas práticas da Europa no que toca a dar tempo aos técnicos para fazerem seu trabalho, no entanto, nossa cultura é diferente e os torcedores muito mais exigentes, então fica difícil fazer essa mudança de estratégia entre os clubes brasileiros.

***

Acesse todas as crónicas de Rivaldo em sua página exclusiva