Dicas do Rivaldo: Será bonito reavivar rivalidade Messi-Ronaldo na Champions

A Juve de Ronaldo e o Barça de Messi irão se confrontar na Liga dos Campeões

O Emabaixador da Betfair Rivaldo está ansioso pelo reencontro entre dois dos maiores de todos os tempos na Champions League. Ele avalia ainda o Atlético de Madrid e desconfia que Fernando Diniz pode ter os dias contados no São Paulo...

"O Atlético de Madrid é candidato a brigar pelo título espanhol e também pela Liga dos Campeões. Esses deslizes de começo de temporada são normais, mas é evidente que o time de Simeone ficará ainda mais forte com a presença do Luís Suárez na dianteira."

O Barcelona e a Juventus ficaram no mesmo grupo da Champions League e vai ser bonito reeditar esse duelo saudável que teve durante muitos anos entre o Lionel Messi e o Cristiano Ronaldo no futebol espanhol.

Isso irá certamente animar a competição pois todo mundo deseja ver novamente os dois se enfrentando dentro de campo. E com Dinamo Kiev e Ferencvaros completando o grupo, tudo indica que ambos se irão classificar e brigar pela liderança do mesmo.

Se fala que o Messi baixou um pouco seu nível desde que o Ronaldo deixou a Espanha, então, esse será um excelente momento para que ambos os jogadores se superem mais uma vez quando se encontrarem dentro de campo. Esse sempre foi um duelo muito saboroso e saudável, e motivava tanto os jogadores como a própria competição, então se tratava de uma rivalidade no bom sentido que agora poderá ser reavivada por 180 minutos.

PSG terá um grupo forte e precisa estar focado


Encarar já na fase de grupos o Manchester United e o RB Leipzig será uma boa oportunidade para o PSG ter já grandes jogos, porém acredito que franceses e ingleses acabarão se classificando, mesmo tendo em conta a boa campanha dos alemães na última temporada.

Os dois mais recentes campeões europeus - Bayern 5.609/2 e Liverpool 6.6011/2 - estão no topo dos mercados para brigarem novamente pelo título e acabaram em grupos relativamente fáceis que deverão permitir uma classificação tranquila.

Mas claro, em qualquer circunstância e independente do grupo que calhasse, eles seriam sempre favoritos a se classificar e só a partir das Oitavas é que poderíamos começar vendo quais estavam mais fortes. Com seis jogos na fase de grupos, todos os times de maior tradição têm tempo e margem de erro para não ser surpreendidos, então, não estou esperando grandes surpresas nessa fase.

Muito difícil encontrar um substituto para o Luís Suárez


O Barcelona continua buscando um novo atacante após a saída do Suárez, e claro que será bom que chegue alguém brevemente com o Memphis Depay dando sinais de ser um jogador de qualidade.

No entanto, acho difícil encontrar alguém com as características e experiência do atacante uruguaio que se destacou no clube se tornando no terceiro maior artilheiro de sua história.

barcelona_luis_suarez_gloves.jpg

Sinceramente, acredito que irá demorar bastante tempo até o Barcelona encontrar alguém com a capacidade finalizadora e espírito de luta do Suárez.

Vai ser difícil fazer esquecer o uruguaio e todo o atacante que jogue nessa posição será comparado com ele, e isso será uma responsabilidade adicional além de vestir a camisa do Barcelona.

Coutinho pode brilhar na posição certa e com confiança


Eu nunca duvidei do Philippe Coutinho enquanto jogador pois sua qualidade é inegável como ficou comprovado no Liverpool e também na temporada anterior no Bayern se sagrando campeão europeu.

Isso lhe deu moral, mesmo não jogando muito tempo, e até fez dois gols ao Barcelona. Eu acredito que esse é o momento ideal de ele se firmar no Barcelona jogando na posição 10 e a saída do Suárez pode ser importante para que ele se entrose melhor com o Messi.

Ele tem futebol para isso, é um titular da seleção brasileira e eu acredito que ele tem tudo para vingar no Barcelona em 2020-21. Esse é o momento certo com todos os pontos se unindo para que possa se assumir.

Vida difícil para Josep Bartomeu


Se fala que o futuro de Bartomeu enquanto presidente do Barcelona poderá estar em causa por conta de um voto de desconfiança que pode acontecer, então, existe a possibilidade de haver eleições ainda antes de março.

Claro, quando você é responsável por colocar o Lionel Messi insatisfeito e desejando sair do clube isso não é bom, pois o atacante argentino é um ídolo na Catalunha e dificilmente os torcedores iriam compreender sua saída nesse momento.

Além disso, o clube viveu três/quatro temporadas traumatizantes na Champions com várias goleadas humilhantes e culminando naquele 8-2 contra o Bayern de Munique. Houve problemas com Messi, o Suárez saiu, o Arthur também teve uma saída conturbada, então, houve muita coisa que enfraqueceu o presidente do clube.

Com Suárez, Atlético é sério candidato ao título


Mesmo tendo perdido pontos no meio da semana, eu acredito que essa temporada o Atlético de Madrid é candidato a brigar pelo título espanhol e também pela Liga dos Campeões. Esses deslizes de começo de temporada são normais, mas é evidente que o time de Simeone ficará ainda mais forte com a presença do Luís Suárez na dianteira.

Nunca é bom perder pontos, porém todos os times estão ainda se entrosando para a nova temporada e daqui por umas 10-12 rodadas já vamos ficar sabendo se o Atlético vai realmente entrar na luta com Barcelona e Real Madrid em 2020-21.

Zidane está sendo inteligente em 'picar' o Vinícius Júnior


O Vinícius saltou do banco para dar a vitória ao Real Madrid no meio da semana e ele segue dando provas de que poderá ser um titular indiscutível no time.

vinicius_real.JPG

Mas eu acho que o Zidane pode estar sendo inteligente em o deixar no banco algumas vezes, pois o jogador vai saltar para dentro do campo com maior vontade de mostrar para seu técnico que deveria ter sido titular e acaba fazendo o gol da vitória.

Esse tipo de motivação que um jogador por vezes não tem quando entra de início é importante e o Zidane acabou colhendo o fruto disso. Mas claro, o Vinícius é hoje um dos jogadores mais fortes no ataque do Real Madrid e vem justificando jogar de início regularmente, assumindo a responsabilidade ofensiva do time.

Fernando Diniz precisa de vitórias para ontem


No Brasil, os técnicos não têm tempo de pensar no futuro ou preparar um time para brilhar daqui por uns anos. Há muitos clubes grandes que simplesmente desejam vencer a cada momento, então, você não pode pensar no longo prazo como acontece com vários clubes europeus.

fernando_diniz.jpg

Após sair da Copa Libertadores, a situação do Fernando Diniz no São Paulo ficou muito difícil e ele precisa reagir imediatamente encaixando uma sequência vitoriosa para acalmar os torcedores.

O torcedor do São Paulo não terá ficado satisfeito de ver todos os outros times brasileiros classificando e só ele caindo fora, então, a pressão é muito grande agora e o Diniz vai precisar de buscar bons resultados com a máxima urgência ou pode acabar sendo demitido.

Eu gostaria que os técnicos tivessem mais tempo no Brasil tal como acontece na Europa, mas infelizmente isso não é possível e a diretoria geralmente acaba penalizando os técnicos. Temos o caso do Renato Gaúcho que penso já estar há quatro anos no Grêmio, mas essa é claramente uma exceção face à realidade atual.

Brasil não deve passar trabalho nas eliminatórias para a Copa do Mundo


A seleção brasileira vai iniciar sua campanha para a Copa do Mundo de 2022 na próxima semana e eu estou confiante de que a equipe de Tite vai fazer bem o seu trabalho e classificar sem grandes problemas.

Claro, poderá ter alguns jogos de maior dificuldade, mas o Brasil sempre participou de Copas do Mundo e não acredito que vá ter alguma surpresa dessa vez.

Me lembro que em 2001 só classificámos no último jogo e depois acabámos sendo campeões mundiais, mas não penso que isso possa se repetir atualmente pois temos um grande elenco recheado de opções e o selecionador Tite vem fazendo um bom trabalho.

Já no segundo jogo, o Brasil irá até Lima para enfrentar o Peru e essa será uma boa oportunidade para entender se o time vai ter uma campanha tranquila ou não, pois nem sempre é fácil jogar fora e se o Brasil sair vitorioso lá no Peru, então, dará já um passo de gigante para uma classificação mais tranquila.

Além disso, e mesmo tendo alguns bons jogadores atualmente, o Peru não irá contar com o Paolo Guerrero que é a grande estrela do time. Ele é muito perigoso dentro da área e qualquer desatenção pode custar caro com ele, então, isso só reforça o favoritismo do Brasil para poder vencer lá no Peru.

"Se gostou de nosso artigo, compartilhe em suas redes sociais"