Dicas do Rivaldo: Sergio Aguero seria boa contratação para o Barcelona

Será que a dupla da seleção argentina vai se refazer em Barcelona?

Em sua coluna semanal em exclusivo para a Betfair, Rivaldo comenta sobre possibilidades de reforço para o ataque do Barcelona, além de responder a seus fãs que enviaram perguntas em seu Instagram...

- O Palmeiras de 93/94 venceria o Flamengo de 2019 do Jorge Jesus?

"Com certeza seria um jogaço onde não haveria um time favorito. É difícil comparar por serem tempos diferentes, porém, ambos os times fizeram sua história e marcaram pelo grande futebol que jogaram, então, seria certamente um partidaço que daria gosto de assistir."

Aguero escreveu uma linda história no Manchester City


Ficamos sabendo essa semana que o Sergio Aguero não irá continuar no Manchester City no final da temporada após 10 temporadas com o clube inglês onde se tornou um ídolo dos torcedores e o maior artilheiro da história do clube.

Só isso demonstra que ele escreveu uma bonita história lá na Inglaterra confirmando todas as qualidades que já vinha demonstrando no Atlético de Madrid. Agora, com 32 anos de idade me parece um bom momento para sair do clube e até do futebol inglês e abraçar um novo projeto numa outra boa liga europeia, pois continua em idade de jogar mais alguns anos ao mais alto nível.

Ele se tornou num ídolo dos Citizens logo em 2012 quando marcou aquele gol nos acréscimos que valeu o título inglês, porém, seu percurso continuou em grande com muitos gols e mais títulos conquistados ao longo de uma década de sucessos para o atacante argentino no clube inglês.

Poderia acrescentar bastante ao time do Barcelona


Quando pensamos numa eventual chegada a custo zero de um internacional argentino e grande artilheiro na Premier League e La Liga, com certeza que seria uma boa contratação para o Barcelona 2.1011/10 caso o clube assim o deseje.

aguero_0204.jpg

Além disso, ele tem uma boa relação com o Lionel Messi e após a saída de Luís Suárez poderia ter o seu espaço para chegar e se afirmar de imediato na equipe inicial do Barcelona. Penso que seria bom para todas as partes, inclusive para a missão que o atual presidente do Barcelona tem de tentar manter o Lionel Messi no clube para além desta temporada.

Koeman precisa pesar as oportunidades


Se fala que o atual técnico do Barcelona, Ronald Koeman não estará interessado em trazer o Sergio Aguero pensando mais na renovação do elenco com jogadores mais novos, porém, essa pode ser uma excelente oportunidade de reforçar o ataque sem gastar muito dinheiro e o técnico holandês também precisa pensar que só tem mais um ano de contrato, então, se não conquistar títulos seu projeto poderá ser terminado mais cedo do que ele pode estar pensando.

Tanto Memphis Depay como o próprio Erling Haaland que parece ter entrado em negociações com o clube 4.3310/3 iriam comportar um grande investimento só com sua transferência, então, talvez fosse bom pesar todas essas situações antes de aceitar ou rejeitar uma potencial contratação, especialmente se tratando de um jogador da qualidade de Aguero.

Claro que o Haaland é um grande talento com um futuro enorme pela frente, porém, sua contratação iria custar muito dinheiro ao clube e eu não sei se essa quantia existe atualmente num clube em dificuldades financeiras como o Barcelona.

APOSTE AGORA

Não acredito que o ManCity tenha desistido de trazer o Lionel Messi


A imprensa internacional vem dizendo que o Manchester City terá desistido de contratar o Lionel Messi para a próxima temporada, mas eu sempre desconfio dessas notícias. Geralmente, quando se diz que alguém desistiu isso significa o contrário, ou seja, que o clube continua muito interessado e só está tentando jogar uma cartada.

Mas eu estou mais feliz porque vejo o Messi tranquilo dentro de campo jogando novamente o seu melhor futebol, então, agora é só esperar para ver se ele chega num acordo com o Barcelona 1.538/15. Caso isso não aconteça, ele poderá seguir negociando com outros clubes desde que só faça um anúncio oficial do seu futuro no final da temporada quando já não houver nada para decidir na La Liga e Copa do Rei.

Ele terá seu tempo para refletir até lá, e por enquanto continuará fazendo seu trabalho e no fim logo veremos qual será sua decisão.

FIFA e UEFA precisam uniformizar utilização do VAR


Como é sabido, eu sou contra o VAR por conta da manutenção de muitos erros mesmo recorrendo a essa ferramenta, porém, se grande parte do futebol de elite o está utilizando não tem como haver competições onde ele é utilizado e outras onde isso não acontece.

ronaldo_serbia_0204.jpg

O gol anulado ao Cristiano Ronaldo é um exemplo disso pois Portugal foi prejudicado em dois pontos numa partida importante das eliminatórias para a Copa do Mundo, então, seria muito mau para as organizações responsáveis que uma seleção falhasse uma prova tão importante por conta dessa falha.

Bastaria que existisse um sensor dentro da bola para resolver esse problema e, independentemente de ser a favor ou contra o VAR, o importante é que as entidades uniformizem a utilização do mesmo para que não existam esse tipo de situações que, neste caso, acabaram desvirtuando o placar de uma partida.

Futebol precisa continuar no Brasil ou alguns clubes podem falir


Existem alguns campeonatos estaduais parando no Brasil por conta da Covid-19 numa repetição do que sucedeu na temporada anterior, porém, eu acredito que a CBF e as organizações deveriam fazer um esforço por continuar com os jogos.

Há muitos clubes, especialmente os intermediários, que estão vivendo situações financeiras muito difíceis e se o dinheiro da CBF, dos patrocinadores e das transmissões televisivas não chegarem então as coisas podem se complicar ainda mais.

Atualmente, os clubes já fazem muitos testes e estão sempre tentando controlar ao máximo eventuais contágios dentro dos elencos, além de não haver praticamente torcida nos estádios, então, eu acredito que seria importante continuar com os jogos para não agravar ainda mais as situações complicadas que muitos jogadores já estão vivenciando no nosso país.

Grêmio e Santos são favoritos, apesar de enfrentarem adversários difíceis


A Libertadores retorna na próxima semana com Grêmio e Santos buscando suas vagas na fase de grupos da competição contra Independiente del Valle e San Lorenzo, respetivamente.

gremio_libertadores_0204.jpg

Jogos de Libertadores sempre são difíceis, especialmente contra times que já conquistaram provas continentais, no entanto, tanto Grêmio como Santos são times muito cotados na América do Sul com grande experiência nesse tipo de partidas, então, eu estou confiante que eles vão conseguir seus objetivos. Para mim, são favoritos.

Claro, esses são times chatos que brigam muito pela bola durante os 90 minutos e com certeza vão trazer dificuldades, mas eu penso que os times brasileiros têm condições de sair por cima.

APOSTE AGORA

PERGUNTAS DOS FÃS SOBRE OS TEMPOS DO PALMEIRAS

- Foi o melhor time que jogou em termos técnicos?

Tecnicamente penso que sim. Em 96 antes de sair para o Depor, nosso time no Campeonato Paulista tornava muito fácil jogar pois tínhamos muitos jogadores de qualidade. Foi um ano que ficou marcado para os palmeirenses e fiquei feliz por fazer parte disso.

- Qual o gol mais bonito que você marcou e o que o Palmeiras representa para você?

Eu não vou dizer o mais bonito, mas sim o mais importante que foi contra o Corinthians na Final do Brasileirão em 1994. Esse gol confirmou nosso título e foi muito bom ter a felicidade de ser decisivo nessa ocasião.

O Palmeiras é um clube pelo qual eu tenho um grande carinho e penso que é recíproco pois até hoje sempre que o Palmeiras joga em seu estádio dá para ver uma grande bandeira minha. Acabei ficando marcado como ídolo do clube e onde quer que eu encontre um torcedor palmeirense eles fazem questão de me lembrar dos meus tempos por lá. É muito bom ver esse reconhecimento por parte da torcida.

- O Palmeiras de 93/94 venceria o Flamengo de 2019 do Jorge Jesus?

Com certeza seria um jogaço onde não haveria um time favorito. É difícil comparar por serem tempos diferentes, porém, ambos os times fizeram sua história e marcaram pelo grande futebol que jogaram, então, seria certamente um partidaço que daria gosto de assistir.

- Na sua opinião, o que faltou para o time de 96 conquistar o Brasileirão? O que acha que faltou para trazer a Libertadores naquela época?

São coisas do futebol, mas eu só fiquei metade da temporada porque depois fui transferido para o Deportivo e não dei sequência. Mas o futebol é mesmo assim e por vezes temos grandes times que marcam por seu grande futebol e que acabam não vencendo. Me faz lembrar a seleção brasileira de 82 que muitos dizem ter sido uma das melhores de sempre e acabou perdendo essa Copa.

Mas fico feliz de ter conquistado o Campeonato Paulista e ter dado espetáculo para a torcida palmeirense que certamente recorda esses tempos com grande alegria.

***

Acesse todas as crónicas de Rivaldo em sua página exclusiva