Apostas Manchester United vs Leicester City: Rezingão Mourinho entrará a vencer

José Mourinho tem estado de péssimo humor durante toda a pré-época...
Ver mercado

Uma nova Premier League está prestes a começar, e embora muita gente descarte o Manchester United, Kevin Hatchard espera que eles entrem vitoriosos na competição...

"Apesar de todos os lamentos e incertezas, o United tem um registo caseiro bastante interessante, e deve superar confortavelmente uma equipa do Leicester algo desfalcada."

Manchester United -1.5 no Handicap Asiático @ [2.50]

Manchester United v Leicester City
Sexta-Feira, às 20:00 (Portugal) / 16:00 (Brasil)

Mourinho mais testado que nunca


O tempo não espera por ninguém, e esta época será um dos maiores desafios de uma carreira recheada de troféus para José Mourinho. Ele terá que mostrar que os seus métodos dentro e fora do campo continuam a ser relevantes, e precisa de desmistificar a noção de que o desporto o está a ultrapassar. Dentro de campo, o seu evidente calculismo custou-lhe a valer na Liga dos Campeões, com o United a ser precocemente afastado por uma limitada equipa do Sevilha. Fora do relvado, as sua recente críticas a jogadores como Paul Pogba, Anthony Martial e Luke Shaw, e os seus lamentos sobre transferências estão a começar a tornar-se num hábito aborrecido, como os truques de um mágico que precisam de ser renovados para melhorar o seu espectáculo.

Mas o fardo não está apenas sobre os ombros de Mourinho. Se o United quiser rivalizar com os vizinhos do Manchester City (terminaram 19 pontos atrás deles na época passada), então estrelas como Pogba e Alexis Sanchez precisam de corresponder aos caprichos do seu técnico.

Pogba mostrou do que é capaz durante a bem sucedida campanha da França no Campeonato do Mundo, e é suficientemente bom para se impor nos jogos independentemente das restrições tácticas de Mourinho. Sanchez esteve envolvido em cinco golos na Premier League em 12 partidas desde a vinda do Arsenal em Janeiro, mas o chileno pareceu algo frustrado em certos momentos, pelo que é capaz de fazer melhor.

Apesar dos sinais de desespero que Mourinho evidenciou e balbuciou, há aspectos positivos a reter. O United venceu 25 dos seus 38 embates na liga na última época, e em Old Trafford eles venceram sete dos últimos oito, concedendo apenas quatro golos nesse período. O seu registo frente ao top-seis também foi encorajador, ao amealharem 19 pontos em dez partidas contra os grandes do futebol inglês.

Marcus Rashford está disponível para comandar o ataque após dispensar as suas férias pós-Mundial, enquanto poderemos ter uma estreia no meio-campo para o recém-contratado brasileiro Fred.

Foxes ajustando-se à realidade sem Mahrez


Nenhum jogador é maior que o próprio clube, como se costuma dizer, mas será preciso algo especial para o Leicester City substituir a nova contratação recorde do Manchester City, Riyad Mahrez. O argelino foi decisivo para o quase inacreditável título dos Foxes em 2016, e ele marcou 35 golos e fez 24 assistências nas últimas três temporadas na Premier League.

A potência atacante será difícil de reacender, mas o Leicester fez algumas boas aquisições. Ricardo Pereira é um excelente defesa-direito que não pareceria perdido numa equipa de Liga dos Campeões, o médio James Maddison foi um dos melhores jogadores do Championship na última época, e o experiente defesa-central Jonny Evans traz isso mesmo.

Actualmente, o central de Inglaterra, Harry Maguire continua a ser jogador dos Foxes, com o clube a insistir que ele não está à venda apesar de algum interesse do Manchester United. Se eles o mantiverem, então provavelmente será uma boa janela de transferências dentro das circunstâncias de que seria inevitável a saída de Riyad Mahrez.

Persistem dúvidas sobre o estilo de jogo do técnico francês Claude Puel, mas ele comandou a equipa ao nono lugar na época passada, após já ter conseguido um top-oito com o Southampton na temporada anterior. Ele mereceu pelo menos outra campanha ao comando da equipa.

United começará a vencer


Puel indicou que nem Maguire nem o atacante Jamie Vardy irão iniciar a partida pelo Leicester após a sua campanha com Inglaterra, e se acreditarmos na sua palavra, então os visitantes não chegam em grande forma. O recém-chegado Maddison está com problemas físicos, e a perda de Mahrez é dolorosa.

Apesar de todos os lamentos de Mourinho, ele pode escolher uma equipa suficientemente forte para vencer este jogo, e vale a pena notar que o United venceu oito dos seus últimos nove embates caseiros contra os Foxes em todas as competições. A Opta diz-nos que o United perdeu apenas uma vez nos últimos 18 duelos em casa frente ao seu adversário desta sexta-feira.

O Leicester perdeu os seus últimos três encontros fora na última época, e se recuares um pouco mais, eles perderam sete dos seus últimos 10 fora de casa na liga inglesa. Nesse período, concederam cinco golos de Manchester City, Crystal Palace e Tottenham.

Eu vou apostar no United com Handicap Asiático -1.5 aqui a [2.50].

Prepara-te para uma animada Sexta à noite


Mais de 2.5 Golos está a negociar a [2.04] aqui, e eu estou agradavelmente surpreso por isso. Oito dos últimos dez embates do Leicester fora de casa na Premier League tiveram três ou mais golos, enquanto uma aposta nos overs gerou dividendos em cinco dos últimos dez embates caseiros do United na liga.

Sanchez não perderá tempo a deixar a sua marca


Após um verão calmo na sequência do falhanço do Chile em qualificar-se para o Mundial, Alexis Sanchez está ansioso por competir. Ele marcou contra Milan e Real Madrid na pré-temporada, e com Romelu Lukaku improvável no onze, ele terá de assumir as despesas.

Podes apostar nele para marcar nos 90 minutos a [2.10], ou utilizar a opção Same Game Multi do Sportsbook para combinar um triunfo do United com Mais de 2.5 Golos e um golo de Sanchez a tentadores [3.90].


APOSTAS RECOMENDADAS:
Manchester United -1.5 no Handicap Asiático @ [2.50]
Mais de 2.5 Golos @ [2.04]

Ver mercado