Bayern Munique X Real Madrid: Irá Ancelotti voltar a levar a melhor sobre Guardiola?

Carlo Ancelotti ganhou a batalha táctica da 1ª mão...

Na primeira mão da meia final, o Bayern dominou a posse de bola, mas o Real criou a maioria das melhores oportunidades de golo e acabou por vencer por 1-0. James Horncastle analisa a batalha táctica de mais um frente a frente entre Pep Guardiola e Carlo Ancelotti...

"O Real sabe que o Bayern não é invencível. O Dortmund derrotou-o por 3-0 na Baviera há duas semanas e o registo de Ancelotti contra o Bayern também é impecável, com cinco vitórias e dois empates."

'Empate ou Visitante' no mercado Dupla Oportunidade a 2.265/4

Bayern de Munique X Real Madrid
Terça-feira, 19:45
Em Directo na TVI

A táctica que Carlo Ancelotti desenhou para os seus jogadores na semana passada devia chamar-se Realpolitik: um plano de jogo baseado em considerações práticas em vez de noções ideológicas.

Ele sabia, por exemplo, que o seu adversário Pep Guardiola não iria comprometer a sua filosofia. Nunca a mudou por ninguém. O Bayern ia jogar o Tiki-taka no Bernabeu. Teria quase sempre a bola. Para quê tentar batê-lo no seu próprio jogo? Por isso o Real abandonou as suas tradições e o "estilo da casa" para jogar no contra-ataque. Um jornal insistiu que era o legado de José Mourinho no clube. 
A equipa da casa não tocou na bola no primeiro quarto de hora do jogo. O Bayern dominou, mas o seu domínio foi estéril.

Quando o Real conseguiu finalmente ficar com a bola, atacou implacavelmente e marcou na primeira oportunidade. Este jogo foi a prova que a posse de bola não é um fim em si. O que conta é o que se faz com ela. O Real devia ter capitalizado mais os seus impressionantes contra-ataques. Cristiano Ronaldo e Angel Di Maria falharam fantásticas oportunidades de acabar com o jogo e talvez de pôr a eliminatória fora do alcance do Bayern.  

É o único arrependimento. Ancelotti descreveu a vitória do Real por 1-0 como "uma pequena vantagem". Mas também avisou o Bayern que Ronaldo não estava a 100% e que Gareth Bale não ia jogar. Ambos vão estar em forma no Allianz Arena, pelo que podemos esperar que o contra-ataque do Real esteja mais rápido e letal. O gigante espanhol aqueceu para o jogo com uma vitória por 4-0 contra o Osasuna. Ronaldo marcou dois golos antes de sair ao fim de uma hora, para estar em condições para terça-feira à noite.

Entretanto o Bayern esteve por duas vezes a perder contra o Werder Bremen no sábado, no jogo que acabou por vencer por 5-2. Há uma certa preocupação visto que 36% dos golos sofridos esta temporada foram nos últimos três jogos em casa. Claro que isto também é indicativo dos poucos golos que o Bayern permitiu até há poucas semanas atrás. Mesmo assim, as margens estão boas a este nível e este é um hábito que o Bayern tem de quebrar se quiser ultrapassar a perda da primeira mão e chegar à final em Lisboa.

É impressionante como o Bayern parece ter sido prejudicado com a lesão de Thiago Alcântara. Toni Kroos, Bastian Schweinsteiger e Mario Götze são todos capazes de fazer passes fantásticos, mas talvez a contratação deste Verão, vindo do Barcelona, esteja mais familiarizado com este sistema, com os problemas que pode encontrar e com a forma de os resolver. Guardiola tem de encontrar uma resposta se espera realizar a ambição do Bayern de se tornar o primeiro clube a manter o troféu desde o Milan de Arrigo Sacchi em 1990.

O Real sabe que o Bayern não é invencível. O Dortmund derrotou-o por 3-0 na Baviera há duas semanas. O registo de Ancelotti contra o Bayern também é impecável, com cinco vitórias e dois empates. Ele também conseguiu acabar com o azar que o Real tem frente a clubes alemães, tendo derrotado o Schalke e eliminado o Borussia de Dortmund esta temporada.

O preço do Real não está mau a 4.94/1 para vencer em 90 minutos, mas tendo em conta que lhe basta um empate para a qualificação, o empate ou visitante no mercado Dupla Oportunidade a 2.265/4 parece-me uma boa aposta.

Vale a pena lembrar que, quando o Real conseguiu derrotar os campeões em título como fez contra o Dortmund em 1998, contra o Manchester United em 2000 e contra o Bayern em 2002, acabou por ganhar a Liga dos Campeões, por isso aposta a 2.789/5 que o vai fazer outra vez, antes que acabe.

Apostas Recomendadas:
'Empate ou Visitante' no mercado Dupla Oportunidade a 2.265/4
Real Madrid para vencer a Liga dos Campeões a 2.789/5