Apostas US Masters: Será Tiger Woods valioso?

Tiger Woods em acção na passada edição do US Masters, em Augusta.
Ver mercado

Com a aproximação do primeiro major do ano, Steve Rawlings, também conhecido por O Apostador, faz de advogado do diabo. Devemos apostar no Tiger?

"Posso estar a fazer de advogado do diabo mas se estás prestes a apostar em alguém para vencer um major com valores à volta dos [5.00], uma chamada de atenção só te faz bem."

Em 1997, com apenas 21 anos, 3 meses e 14 dias, Tiger Woods tornou-se o mais jovem jogador a vencer o Masters dos Estados Unidos.

Foi a primeira das suas quatro vitórias em Augusta até à data e obteve-a de forma notável. Tendo feito 40 pontos nos primeiros nove buracos no primeiro dia, acabou por ganhar o título com uma vantagem impressionante de 12 tacadas - a margem mais larga na história da prova.

Woods juntou mais Casacos Verdes ao seu guarda-roupa em 2001, 2002 e 2005, mas desde então, não ganhou mais nada.

Esta semana, os seus apoiantes vão com certeza chamar a atenção para o facto de que ele teve problemas conhecidos, tanto fora como dentro do campo e que não tem estado no seu melhor desde 2005. E apesar de não ter mesmo estado, conseguiu mesmo assim terminar no top 6 em seis anos desde então, mas nós apostadores, desta vez, não teremos valores superiores a [5.0] nele, pelo que teremos de decidir se este é um bom preço.

É sabido que Tiger, ultimamente, vence quase sempre nos mesmos campos, por isso demos uma vista de olhos ao seu historial nos seus lugares favoritos, desde o seu último título no US Masters, em 2005.

No seu querido Torrey Pines, incluindo o seu US Open com uma perna partida, venceu cinco vezes. Foi vitorioso quatro vezes, tanto em Bay Hill como em Firestone. Juntou mais três vitórias ao seu currículo em Doral e Sherwood e também ganhou duas vezes em Muirfield Village, terra do Memorial.

Não me parece que possamos usar o argumento da forma para defender o seu historial dos últimos sete anos em Augusta, quando olhamos para o seu registo noutros locais, ao longo do mesmo período de tempo. Tem um grande registo em Augusta mas não é fantástico, quando comparado com o seu historial nos campos mencionados acima.

É mais difícil rejeitar as suas hipóteses por causa da forma actual, tendo em conta que ganhou três das suas últimas quatro provas (em Torrey Pines, Doral e Bay Hill) e considerando que em cada uma destas três ocasiões ninguém fez "putts" melhor que ele, mas existem mesmo assim alguma preocupações com o resto do seu jogo.

Ficou em 72º em "driving accuracy" na última vez que ganhou em Bay Hill, este ano só ficou uma vez no top dez dos "Greens in Regulation", em Doral, e todas as semanas ficou fora do top 20 no "Scrambling". Tudo indica que, fora o "putting", o seu jogo já não tem aquela qualidade sem igual.

Posso estar a fazer de advogado do diabo mas se estás prestes a apostar em alguém para vencer um major com valores à volta dos [5.00], uma chamada de atenção só te faz bem. Ele é o melhor que já vimos, está numa forma razoável e, nos últimos anos, o seu historial em Augusta não é mau.

Com um preço em torno de [5.4] para vencer o US Masters, será uma aposta valiosa? Não me parece que seja.

Ver mercado