US Masters: Super Scott é o primeiro australiano a vencer em Augusta

Foi necessário recorrer a "buracos extra" para Adam Scott se coroar vencedor!
Ver mercado

Finalmente Adam Scott venceu um Major e tornou-se o primeiro golfista australiano a vencer o Masters dos Estados unidos. Mike Norman explica...

Scott foi igualado a um máximo de [65.0] durante o torneio, enquanto Cabrera atingiu um mínimo de [1.91] quando detinha uma vantagem de 3 tacadas no início da quarta ronda.

Adam Scott é o novo campeão do Masters dos Estados Unidos, após derrotar Angel Cabrera no segundo buraco extra num ensopado torneio de Augusta.

Scott - que estava disponível com apostas a favor em torno de [36.0] antes do torneio - seguia os líderes Cabrera e Brandt Snedeker por uma única batida e parecia encaminhar-se para mais uma frustrante derrota após inúmeros "birdies" terem falhado por pouco.

Quando o compatriota Jason Day fez "birdies" em três buracos consecutivos a partir do 13º buraco, parecia que Scott teria de esperar pelo menos mais um torneio pela conquista do Major.

Mas os "bogies" de Day - que atingiu um mínimo de [1.7] Em Directo - nos buracos 16 e 17 abriram a porta e Scott e o campeão de 2009, Cabrera, fizeram espantosos "birdies" no buraco final.

A jogar um grupo à frente de Cabrera, Scott jogou um "birdie" certeiro de 6 metros no buraco 18, fazendo com que o jogador, de 32 anos, festejasse alegremente, mas ele não esperava a aproximação brilhante do argentino que fez também um "birdie" de um metro.

Cabrera cumpriu, e assim o 77º Masters dos Estados Unidos foi para desempate.
Ambos os jogadores ficaram no par no primeiro buraco extra (o 18º) depois de fazerem "chips" e "putts" no "green", e Cabrera parecia ter a vantagem no segundo buraco extra (o 10º) quando a sua aproximação de 180 metros ficou a seis metros do buraco.
Mas a aproximação de Scott, de 179 metros, foi ainda melhor, ficando a 4,5 metros da bandeira.

A tentativa de "birdie" de Cabrera terminou, dolorosamente, a milímetros do buraco, deixando Scott - que no ano passado terminou com quatro dolorosos "bogies" consecutivos que o levaram à derrota no Open - fazer o seu "putt" e tornar-se o primeiro australiano, na ilustre história do Campeonato, a vestir o Casaco Verde.

Scott foi igualado a um máximo de [65.0] durante o torneio, enquanto Cabrera atingiu um mínimo de [1.91] quando detinha uma vantagem de 3 tacadas no início da quarta ronda.

O próximo Major é o Open dos Estados Unidos no Merion Golf Club, em Junho, onde é possível apostar a favor de Scott por [23.0], atrás dos [6.2] do favorito, Tiger Woods.

Ver mercado