Apostas GP dos Estados Unidos: História já acena para Hamilton

Lewis Hamilton é um habitual vencedor em Austin...
Ver mercado

Lewis Hamilton pode selar o título mundial de F1 no Grande Prémio dos Estados Unidos. James Gray analisa o que, se é que é possível, atravessar-se no caminho do britânico.

"O impressionante domínio de Hamilton num país que ele tanto estima parece estar prestes a ter continuação."

Lewis Hamilton é um homem contra o qual é difícil apostar quando a vitória está tão perto - e será isso que acontecerá quando ele largar da pista de Austin este Domingo.

O piloto de 33 anos venceu as últimas quatro corridas em diferentes tipos de pista e tarefas com vitórias no veloz circuito de Monza, no circuito citadino de Singapura, a pista de Sochi onde Valtteri Bottas é especialista e claro no traçado único de Suzuka. Começa a dar a sensação de que Hamilton não tem fraquezas.

Se Vettel, agora a 67 pontos de distância com quatro corridas por disputar e a enormes [51.00] para vencer o título, está à espera que Austin seja um local onde possa iniciar uma das mais épicas recuperações de que há memória, ele ficará desapontado quando verificar que a história não está do seu lado. Se Hamilton vencer a corrida só não será Campeão Mundial de Pilotos no caso de Vettel terminar em segundo.

Desde que a F1 regressou aos EUA em 2012, Hamilton tem dominado a corrida ao vencer todas elas excepto uma das edições do Circuito das Américas. Apenas Vettel conseguiu colocar em causa essa série com um triunfo pela Red Bull que veio logo a seguir a ele ter selado o seu título no ano de 2013. Para teres uma ideia de há quanto tempo isso foi, Fernando Alonso venceu duas corridas nessa temporada.

De casa em casa para Hamilton


O impressionante domínio de Hamilton num país que ele tanto estima parece estar prestes a ter continuação; eles está a [1.53] para somar mais 25 pontos com Vettel a [4.33] para o surpreender.

O britânico pode continuar a contar com o apoio de Valtteri Bottas a [9.00], que abriu para o lado na Rússia para permitir que o seu colega o ultrapassasse rumo à vitória e provou a sua lealdade desde que ficou claro que não poderia competir com Hamilton na luta pelo título. Vettel terá Kimi Raikkonen a fazer o mesmo mas a aparente vantagem de velocidade da Mercedes, transformará um dois-para-dois em um-para-um.

Ferrari procura rectificar erros à chuva


A Mercedes parecia ligeiramente abaixo da Ferrari em termos de ritmo em geral a meio da temporada - mas as evoluções que chegaram da parte de Barkley revelaram-se decisivas e há pouco que o Cavalo Rampante possa fazer em relação a isso na corrida ou até mesmo na qualificação.

Mas na verdade, a Ferrari ficou mal na fotografia com a sua estratégia no Japão onde estar com os pneus errados no momento errado viu-os começar da quarta e nona posição enquanto os dois Mercedes ocuparam a primeira linha da grelha à chuva.

As previsões meteorológicas para Austin no Sábado são novamente húmidas e com a Mercedes a dificilmente cometer os mesmos erros, isso torna-se numa corrida do gato e do rato em termos de resultados. Uma pole de Vettel a [3.25] parece ter bom valor desde que o tempo produza o tipo de imprevisibilidade que possa ameaçar o actual favorito na qualificação, Hamilton a [1.50]

Force India mantém-se viva


A dada altura, parecia que a Force India nem sequer existiria quando chegasse o Grande Prémio dos EUA, mas o investimento de Lawrence Stroll salvou-os do pior cenário.

Eles tiveram de abdicar de todos os seus pontos mas mostraram muito ritmo desde então, assegurando posições nos dois dígitos pontuais em todas menos uma das últimas cinco corridas.

Também não há falta de motivação para continuarem a competir. Desde que começaram do zero, eles adquiriram 43 pontos e precisam de mais 15 para superar os McLaren ou apanhar a Haas.

As longas rectas do Circuito das Américas deve assentar bem ao Force India cor-de-rosa e qualquer dos seus pilotos pode assegurar um lugar no top-6 desalojando um dos pilotos dos 'três grandes'. Sergio Perez acaba de ser apresentado como piloto para o próximo ano com Lance Stroll à espera de substituir Ocon - o francês poderá querer mostrar serviço a [2.75] ao terminar no top-6 da corrida.


APOSTAS RECOMENDADAS:
Lewis Hamilton @ [1.80] para vencer o Grande Prémio dos Estados Unidos
Sebastian Vettel @ [3.90] para vencer a Qualificação
Esteban Ocon @ [2.75] para terminar a corrida no Top-6

"Se gostou de nosso artigo, compartilhe em suas redes sociais"

Ver mercado