Apostas ATP Indian Wells Dia 9: Rafa e Roger correctamente tidos como claros favoritos

Federer deve marcar embate com Rafa Nadal nas semifinais de amanhã
Ver mercado

Hoje teremos a segunda série de partidas dos quartos de final masculinos em Indian Wells, e com Roger e Rafa ambos em acção, o nosso colunista de ténis Dan Weston avalia se poderão ser batidos...

"Em termos estatísticos, Nadal tem ascendente sobre Federer e será interessante verificar como eles estarão avaliados para uma potencial semifinal amanhã à noite."

Kecmanovic azarado ao não cumprir handicap com Raonic


Os jogos agendados para a noite passada em Indian Wells desiludiram, com a nossa escolha em Miomir Kecmanovic a falhar o handicap +4.5 jogos contra Milos Raonic, apesar de ter dado boa conta de si mesmo. Ambos os jogadores tiveram três oportunidades de break, portanto talvez nos possamos considerar um pouco azarados que ele tenha sido derrotado por cinco jogos de diferença na partida.

Dominic Thiem avançou para as semifinais, beneficiando de desistência, já que Gael Monfils não entrou em cena. Por isso, Thiem continua a liderar o frente-a-frente entre os dois por 4-0, embora tenhamos agora já três abandonos pré-partida em partidas envolvendo os dois.

Nadal com vantagem estatística sobre Federer


Olhando à acção desta noite, os dois favoritos do torneio procuram atingir as semifinais, com Rafa disponível a [2.80] para vencer o torneio, e Roger ligeiramente atrás a [2.90], no Intercâmbio. Federer encurtou no seguimento de uma vitória fácil sobre Kyle Edmund e da surpreendente chegada de Hubert Hurkacz a esta fase, o que significa que a lenda helvética enfrenta agora um adversário provavelmente mais fraco nos quartos de final - do que seria com Kei Nishikori ou Denis Shapovalov.

Federer está a [1.09] para seguir em frente esta noite, e embora o meu modelo o avalie um pouco acima, não é uma discrepância que nos leve a actuar, e certamente seria necessária uma grande surpresa para Federer ser a mais recente vítima do caçador de gigantes Hurkacz.

Em termos estatísticos, Nadal tem ascendente sobre Federer e será interessante verificar como eles estarão avaliados para uma potencial semifinal amanhã à noite. Federer assegurou quase 92% dos seus serviços em piso duro nos últimos 12 meses, e quebra os adversários em quase 21% das ocasiões (combinado de 113.1%) e estes dados não são bem de elite, embora sejam obviamente excelentes quando comparados com a maioria dos jogadores. No entanto, está abaixo de Nadal e do já eliminado Novak Djokovic, e pelo menos em piso duro, a ordem do trio de elite parece claramente razoável.

Hurkacz pode dar boa conta de si próprio


Hurkacz impressionou em piso duro este ano, com um registo combinado de serviço/resposta de 103% nesta superfície em 2019 a ser apenas inferior ao que era antecipado a partir do seu ranking, mas também não saiu beneficiado pelo seu serviço e pontos ganhos na resposta, o que sugere que os seus números até deveriam ser melhores - ele pode melhorar mais um pouco num futuro não muito distante. Se ele conseguirá testar Federer, essa é outra questão - não será uma surpresa se Federer jogar melhor os pontos chave, mas Hurkacz tem certamente condições de fazer uma boa exibição, pelo menos.

Khachanov precisa superar problemas no serviço para testar Nadal


Mais à frente na noite é Rafa Nadal que enfrenta Karen Khachanov, e o espanhol é outro favorito claro para atingir a semifinal. Ele está cotado um pouco acima de Federer, a [1.21], o que é compreensível tendo em conta que defronta um opositor de maior valia, mas uma vez mais não existe valor pré-jogo disponível.

Nadal está a registar uma percentagem combinada de serviço/resposta ligeiramente abaixo de 118% em piso duro nos últimos 12 meses, algo acima dos 106% de Khachanov, e a diferença de qualidade é evidenciada pelo frente-a-frente entre os dois, com Nadal a liderar por 5-0.

Ao longo desses embates históricos, Khachanov sofreu no serviço contra um tenista sensacional na resposta, vencendo apenas 59% dos seus pontos no serviço, e Nadal lidera por 12-1 em sets nos anteriores confrontos, o que parece lógico - um jogador não vencerá muitos sets ou encontros com tão baixa percentagem de pontos ganhos no serviço.

Eu ficaria bastante surpreso se Khachanov fosse capaz de inverter esta tendência esta noite, e na realidade, eu espero que a semifinal de amanhã da metade inferior do quadro oponha Federer a Nadal - o jogo que virtualmente todos os neutros esperam ver.

"Se gostou de nosso artigo, compartilhe em suas redes sociais"

Redação,