Apostas.Betfair

Apostas ATP Miami Dia 6: Federer pode cumprir handicap frente a Del Potro em declínio

Ver mercado

A terceira ronda do ATP Miami conclui-se no dua de hoje, e temos vários encontros fascinantes em perspectiva. Todos os encontros estarão disponíveis em directo no Betfair Live Video, e o nosso colunista de ténis Dan Weston procura os mais valiosos...

"É evidente que Del Potro tem piorado desde o topo da sua carreira, especialmente na resposta ao serviço, e sem margem de dúvida, os seus números actuais não causam qualquer receio na mente de Federer, até porque o helvético tem assegurado cerca de 90% dos seus jogos de serviço."

Donaldson segue em frente após mais uma desistência do azarado Raonic

A nossa selecção de handicap para o jogo de ontem entre Jared Donaldson e Milos Raonic foi devolvida, pois o norte-americano qualificou-se sem sequer pegar na raquete, já que Milos Raonic voltou a desistir de um torneio. Certamente, com este problemas físicos recorrentes, os apostadores têm de ter muito cuidado com o canadiano no futuro próximo.


Selecção pré-torneio Nishikori nos Oitavos de Final

Avaliando a acção da noite de ontem, a nossa selecção pré-torneio para vencedor, Kei Nishikori, também seguiu em frente até à Quarta Ronda ao derrotar Fernando Verdasco em três sets. A estrela nipónica está agora a [6.00] depois de ter iniciado o torneio a [9.00], enquanto Rafa Nadal também garantiu a sua passagem apesar de ter perdido o primeiro set por incríveis 6-0 frente a Philipp Kohlschreiber. Fabio Fognini manteve o seu domínio sobre Jeremy Chardy, ampliando para 6-0 o seu frente-a-frente diante do gaulês.

Esta noite teremos alguns encontros que nos fazem crescer água na boca, com o embate entre o favorito ao torneio, Roger Federer, e Juan Martin Del Potro a ser o mais sonante.


Federer com valor como favorito para superar Del Potro

Este também é o encontro que mais me chama a atenção de uma perspectiva de valor pré-jogo, com Federer avaliado a [1.42] como favorito no Intercâmbio. Eu avisei em Indian Wells que Del Potro tem vindo a piorar estatisticamente em relação ao seu anterior nível de elite, especialmente na resposta ao serviço e com isso em mente, Federer parece ter valor, mesmo que seja relativamente favorito.

Nos últimos 12 meses em piso duro, Federer assegurou 90.3% dos seus jogos de serviço e quebrou os adversário em 28.5% das ocasiões (118.8% combinado), colocando-o quase no 120% que equivalem à elite. Sem qualquer dúvida, a lenda suíça está a jogar em grande nível actualmente, pelo menos em piso duro. Em breve veremos como está o seu jogo em terra batida, pois a temporada do pó-de-tijolo aproxima-se.


Quebra significativa no jogo de resposta de Del Potro

As estatísticas de manutenção/quebra de serviço de Del Potro não são favoráveis por estes dias, com uma percentagem de jogos ganhos no serviço de 83.5% e uma percentagem de quebra de 20.9% (104.4% combinado) nesta superfície no mesmo período que Federer. Um pequeno resumo destes dados levar-nos-ia a concluir que ele está actualmente com nível de jogador do top-25 algo motivado pela sua dependência crescente do jogo de serviço.

Para contextualizar estas percentagens, basta dizer que em piso duro em 2013, Del Potro assegurou 85.5% dos seus jogos de serviço e quebrou os adversários em 25.8% das ocasiões (111.3%), enquanto em 2009, quando venceu o seu único título de Grand Slam, atingiu 83.1% e 30.2% respectivamente (113.3% combinado).

É evidente que Del Potro tem piorado desde o topo da sua carreira, especialmente na resposta ao serviço, e sem margem de dúvida, os seus números actuais não causam qualquer receio na mente de Federer, até porque o helvético tem assegurado cerca de 90% dos seus jogos de serviço.


Tendências históricas também favorecem Federer

Para além de tudo o que já foi mencionado, Federer também domina o histórico frente ao argentino com uma liderança clara de 15-5, e com Del Potro a jogar a um nível francamente inferior neste momento do que na maioria dos anteriores embates, tudo isto torna encorajador ficar do lado de Federer.

Recuando até ao início de 2014, Federer está com um registo de 11-7 em partidas à melhor de três sets em piso duro no que compete a cumprir handicaps de -3.5 jogos, sempre que avaliado entre [1.20] e [1.50] para vencer os jogos. E tendo em conta esta tendência histórica, apostar num preço superior para um triunfo confortável de Federer faz mais sentido do que a aposta num triunfo simples a um preço bem mais inferior.


Aposta Recomendada:

Roger Federer -3.5 Jogos vs Juan Martin Del Potro @ [2.10]

Ver mercado
More Ténis