Apostas.Betfair

Apostas ATP Miami Dia 7: Sobrevalorizado Kyrgios demasiado curto frente a Goffin

Ver mercado

O dia sete do quadro masculino do Miami Open verá os 16 jogadores ainda em prova em acção. Com toda a acção disponível no Betfair Live Video, o nosso colunista de ténis Dan Weston avalia as opções do dia...

"Em partidas à melhor de três sets onde foi avaliado entre [2.00] e [6.00] nos últimos dois anos, Goffin venceu pelo menos um set em oito de dez ocasiões, e na verdade, fez o mesmo nos últimos oito embates que disputou. Ele venceu mesmo cinco desses duelos, com três deles a serem ganhos por 2-1. O belga também tem um registo sólido nos sets finais, vencendo sete dos últimos dez terceiros sets, e está 16-9 nesse capítulo nos últimos 12 meses."

Federer supera Del Potro facilmente rumo aos Oitavos de Final

A nossa recomendação da noite anterior, Roger Federer, cumpriu o handicap proposto a odds atractivas frente a Juan Martin Del Potro, e a lenda helvética - tal como previsto na nossa coluna - foi muito forte no serviço, assegurando a totalidade dos seus dez jogos de serviço, e restringindo o argentino a somente 16 pontos na resposta (27%) em todo o encontro.

Nos oito embates de hoje, não teremos jogos de grande cartaz, e vários claros favoritos para seguir em frente, com a nossa aposta pré-torneio, Kei Nishikori, entre eles.

O tenista nipónico defronta o especialista em terra batida Federico Delbonis, que tem feito um evento sensacional até ao momento, mas espero que Nishikori vença com facilidade o esquerdino, tal como o mercado sugere actualmente, avaliando o triunfo do favorito a [1.13].


Nomes sonantes claramente favoritos para seguir em frente

Tomas Berdych, Rafa Nadal, e Federer estão todos realisticamente cotados entre [1.10] e [1.25] frente a Adrian Mannarino, Nicolas Mahut e Roberto Bautista-Agut, com Federer ainda sem perder um set frente ao espanhol, Bautista-Agut após cinco encontros anteriores entre terra batida, piso duro e relva.

Na verdade, todos os doze sets que ele venceu nesses cinco encontros foram obtidos por números de 6-4 ou inferiores, a favor de Federer, e embora seja razoável sugerir que o registo de Federer em Miami é relativamente fraco, e que os jogadores que brilham em Indian Wells costumam sentir dificuldades para replicar as exibições em Miami, seria extremamente ambicioso prever uma surpresa aqui.


Donaldson pode incomodar Sock esta noite

Vários favoritos com preços ligeiramente superiores ao trio já mencionado parecem um pouco mais vulneráveis, com o meu modelo de análise a sugerir que Jack Sock deveria estar 10 tiques acima dos actuais [1.27] frente ao jovem promissor, Jared Donaldson.

No entanto, hoje prefiro focar-me no encontro de final de noite, com Nick Kyrgios a defrontar David Goffin a partir das 02:00.


Goffin com valor para criar dificuldades a Kyrgios ao final da noite

Kyrgios negoceia actualmente a [1.41] no intercâmbio, e com ambos os jogadores a terem longos embates de três sets no dia anterior, estou a ter problemas para compreender tal preço para Goffin. O belga tem sido um sólido top-20 por largos anos, e embora a sua melhoria recente não seja bem aquilo que se esperava - ao contrário de Kyrgios, as suas estatísticas de manutenção/quebra de serviço indicam que ele não deverá ser atropelado neste embate.

Em piso duro nos últimos 12 meses, Goffin assegurou o seu serviço em 80.7% das ocasiões, e tem um forte jogo de resposta que lhe permite quebrar o serviço adversário em 28.0% das vezes (108.7% combinado), sendo que os dados combinados de Kyrgios andam pelos 109.5%, embora seja evidente que assegura muitos mais jogos de serviço graças ao seu poderoso saque. O prodígio australiano assegurou 90.3% dos seus serviços e quebrou apenas 19.2% de serviços adversários no mesmo período.

Em partidas à melhor de três sets onde foi avaliado entre [2.00] e [6.00] nos últimos dois anos, Goffin venceu pelo menos um set em oito de dez ocasiões, e na verdade, fez o mesmo nos últimos oito embates que disputou. Ele venceu mesmo cinco desses duelos, com três deles a serem ganhos por 2-1. O belga também tem um registo sólido nos sets finais, vencendo sete dos últimos dez terceiros sets, e está 16-9 nesse capítulo nos últimos 12 meses.

Com isto em mente, apostar em Goffin para vencer o encontro por 2-1 a odds gigantes de [6.00] pode ser uma opção interessante.


Aposta Recomendada:

David Goffin para vencer Nick Kyrgios por 2-1 @ [6.00]

Ver mercado
More Ténis