Apostas Paris Masters Dia 3: Sock com valor em partida chave na sua carreira

O embate de Jack Sock frente a Richard Gasquet é crítico para a sua carreira
Ver mercado

A acção no Paris Masters foca-se hoje nos restantes embates da segunda ronda, e após uma aposta vencedora ontem, o nosso colunista de Ténis Dan Weston regressa para prever o calendário de partidas...

"Embora nada seja garantido na vida, a verdade é que se há jogo onde Sock estará 100% motivado - com este tipo de definição de carreira a curto prazo - será este."

Fucsovics dá-nos lucro no Dia Dois


Ontem escolhemos o lado certo em Paris com Marton Fucsovics - como outsider - a bater Benoit Paire em dois sets em apenas uma das várias vitórias de não-favoritos durante o dia.

Outra delas foi de Damir Dzumhur que surpreendeu Stefanos Tsitsipas, o que me permite novamente defender a tese de que não acredito que o grego seja tão bom quanto os mercados por vezes sugerem. Eu penso que ele será um excelente jogador a dada altura, mas isso não quer dizer que já o seja e que tal lhe garante uma sobrevalorização no momento actual.

Federer com perigoso embate diante de Raonic


Passando ao dia de hoje, temos um número de grandes nomes a jogarem os seus primeiros jogos no torneio, após ficarem isentos na primeira ronda. Roger Federer, acabado de vencer o título em Basileia, entrará em acção frente a Milos Raonic e será interessante verificar quanto tem o suíço de sobra em termos energéticos. Ele tem um registo relativamente pobre neste evento, historicamente, e esta pode não ser a sua maior prioridade com a Tour Finals ainda por disputar para o suíço dentro de uma semana e meia.


Questões físicas envolvem Rafa para embate com Verdasco


Também Rafa Nadal entra em court hoje, pela primeira vez desde o abandono no US Open no início de Setembro. Ele tem uma clara vantagem no frente-a-frente com o seu compatriota Fernando Verdasco, mas com os seus problemas físicos em mente, ele parece correctamente avaliado a [1.42] neste momento.

Sock certamente motivado para evitar catástrofe


Com os grandes nomes correctamente avaliados de acordo com o meu modelo, eu opto por me virar para jogadores que penso poderem estar a ser subestimados pelo mercado, e talvez um pouco surpreendentemente surja Jack Sock nessa lista.

No caso de teres vivido numa caverna durante um ano, Sock é o campeão em título aqui mas graças a isso, e consequente boa campanha no Tour Finals, ele irá defender meros 1400 pontos no ranking esta semana. Se ele hoje perder para Ruchard Gasquet, ele irá cair de cerca da 30ª posição para a 150ª no mundo, e forçado a disputar o qualifying do Open da Austrália.

Este encontro de tudo ou nada para Sock deve-se à péssima campanha realizada na época 2018, de uma perspectiva de resultados. Ele tem um registo de 7-20 em singulares ao longo da época, assegurando 78.8% dos serviços e quebrando em 15.0%, e embora essas estatísticas sejam francamente pobres, elas não estão assim tão relacionadas com um tão mau registo de vitórias/derrotas.

Por outro lado, ele bateu Gasquet nas últimas três vezes que defrontou o gaulês no circuito principal, e tem um excelente registo indoor (26-12 nos últimos três anos) em termos gerais. Embora nada seja garantido na vida, a verdade é que se há jogo onde Sock estará 100% motivado - com este tipo de definição de carreira a curto prazo - será este.

Sock teima em perder sets decisivos


Olhando aos mais recentes resultados de Sock verificamos outra dinâmica - ele raramente perde em dois sets. Na semana passada perdeu para Ernests Gulbis em Basileia pela primeira vez em dois sets desde que foi batido por Daniel Brands em Eastbourne em Junho, e parece que Sock tem problemas com sets decisivos - talvez derivado à condição física. Será que tal se deve à fadiga extra de também jogar regularmente encontros de Pares? Certamente que é uma possibilidade.

Ora, com Sock a [3.90] para vencer o jogo, eu sinto que ele tem valor, e com estas recentes derrotas em três sets, eu gosto das suas hipóteses de vencer pelo menos um set aqui. O mercado Intercâmbio está ainda sem liquidez nesse departamento, mas se conseguires algo perto dos [2.00] nessa eventualidade, eu sinto que tal representa valor.

Noutras partidas, sinto que Diego Schwartzman está um pouco subestimado a [1.60] contra o veterano em declínio Feliciano Lopez, que tem um fraco registo em 2018, enquanto Adrian Mannarino pode também proporcionar oportunidades de handicap de jogos com Kei Nishikorim, mas num dia tão crítico para Jack Sock, é no norte-americando que a minha fé será depositada no dia três.


APOSTA RECOMENDADA:
Jack Sock para vencer um Set (ou +1.5 sets) a cerca de [2.00]

"Se gostou de nosso artigo, compartilhe em suas redes sociais"

Ver mercado