Apostas Shanghai Masters Dia 4: De Minaur com valor sólido frente a volátil Paire

Del Potro entrará em acção esta Quarta-Feira...
Ver mercado

O Shanghai Masters prossegue na quarta-feira, com os 11 embates restantes da segunda ronda. O nosso colunista de ténis, Dan Weston, regressa com as suas previsões...

"Eu já mencionei anteriormente que os dados de Paire em piso duro têm sido maus ao longo dos anos, e o seu registo de 10-10 no presente ano deriva de um medíocre registo combinado de serviço/resposta de 95.8%. Ele tem estado abaixo da marca dos 100% (é mais vezes quebrado do que as vezes que quebra) todos os anos desde 2014, e é frequentemente sobrevalorizado pelo mercado nesta superfície."

Zhang contribui para manter o pleno na semana


Estamos com três em três esta semana em Shanghai após Ze Zhang cobrir facilmente o handicao de jogos contra Daniiel Medvedev e, na verdade, o wild card da casa não ficou longe de causar sensação frente ao campeão de Tóquio da semana passada, que como previsto, não conseguiu manter-se ao mesmo nível exibido no Japão, após sete encontros em oito dias, e ainda uma viagem.

Medvedev enfrenta Roger Federer amanhã na segunda ronda, com o suíço a entrar em court pela primeira vez num jogo oficial desde a derrota para John Millamn na quarta ronda do US Open em finais de Agosto. Será interessante perceber se será o enferrujado Federer, ou o fatigado Medvedev a sair triunfante do dia - o mercado Intercâmbio tem Federer como favorito a [1.29] para avançar até à terceira ronda.

Seppi com potencial para surpreender Edmund


Quanto aos restantes encontros do calendário, o meu modelo indicou algum valor em várias localizações. Primeiramente, Andreas Seppi parece elevado a [3.60] frente ao britânico Kyle Edmund. Seppi superou Adrian Mannrino na primeira ronda, para afugentar uma série de cinco derrotas em seis (via abandono) mas Edmund também está a sair do seu próprio buraco, perdendo seis em dez entre Wimbledon e o US Open.

Embora Edmund tenha atingido a semifinal em Pequim na semana passada, ele era favorito em todas as suas três vitórias, e também era claramente favorito na sua derrota para o eventual campeão, Nikoloz Basilashvili. Para além disso, o seu triunfo sobre Filip Krajinovic pareceu fácil olhando ao marcador de 7-5 e 6-3, mas ambos tiveram cinco pontos de break no jogo - Edmund simplemsente converteu mais dois que o sérvio, portanto o resultado não ilustra muito bem o equilíbrio verificado no encontro.

Paire consistentemente medíocre em piso duro


Mas o jogo em que me quero focar para a recomendação do dia opõe Benoit Paire a Alex De Minaur, com o jovem australiano a parecer ter grande valia como favorito a [1.80].

Eu já mencionei anteriormente que os dados de Paire em piso duro têm sido maus ao longo dos anos, e o seu registo de 10-10 no presente ano deriva de um medíocre registo combinado de serviço/resposta de 95.8%. Ele tem estado abaixo da marca dos 100% (é mais vezes quebrado do que as vezes que quebra) todos os anos desde 2014, e é frequentemente sobrevalorizado pelo mercado nesta superfície.

Além disso, quanto também tens em conta a sua volatilidade mental - que contribui para o péssimo registo de perder breaks de vantagem - é difícil defender a sua causa frente a um jogador em evolução, que tem um registo combinado de 105.1% este ano, e que venceu 15 dos seus 24 jogos (63%) em piso duro em 2018.

Apostar em De Minaur é a recomendação desta quarta-feira.

Mercado surpreendentemente inclinado para Khachanov vs Tsitsipas


Noutras partidas, o embate entre Khachanov e Tsitsipas parece o mais orientado para o serviço, e tem a mais elevada percentagem de não existirem breaks no primeiro set, de acordo com o meu modelo, no calendário para amanhã.

No entanto, continua a não estar perto de merecer uma acção - um pouco abaixo dos 40% de probabilidades - e eu estou algo surpreso por ver Khachanov como favorito a [1.70]. Esta surpresa não advém da minha percepção pessoal do jogo (eu concordo com o preço do mercado) mas mais pelo amor que o mercado normalmente prega para com Tsitsipas.

Escolha pré-torneio Del Potro inicia campanha


Assim como Roger Federer irá estrear-se no torneio deste ano, também veremos Alexander Zverev em acção, na sua estreia frente ao já mencionado Basilashvili, enquanto a nossa selecção pré-torneio, Juan Martin Del Potro, defronta alguém contra quem tem um registo de 6-1 no frente-a-frente - Richard Gasquet. Eu já aludi ao mau registo do francês frente a adversários de topo em várias ocasiões, e é difícil encontrar uma razão séria para discordar do preço do argentino [1.36] aqui.


APOSTA RECOMENDADA:
Alex De Minaur @ [1.80] para vencer Benoit Paire

"Se gostou de nosso artigo, compartilhe em suas redes sociais"

Ver mercado