Apostas US Open Masculino Dia 8: Millman com valor para cumprir handicap diante de Federer

John Millman poderá cumprir o handicap diante de Federer...
Ver mercado

O Dia Oito do Open dos Estados Unidos acolhe os restantes quatro encontros dos 16-Avos de Final, e de volta para prever a acção no quadro masculino, está o nosso colunista de ténis, Dan Weston...

"Federer cumpriu esta linha de -8.5 jogos em apenas um de sete encontros em Grand Slams de piso duro este ano, sempre que avaliado abaixo de [1.20]."


Cilic com preço adequado diante de Goffin


Hoje a acção começar às 16Horas portuguesas (12:00 no Brasil), e teremos um quadro de jogos difícil de desvendar, de uma perspectiva de valor. Dos quatro encontros, apenas Marin Cilic é um favorito com preço superior a [1.30], com o croata actualmente a [1.50] para o seu embate com David Goffin, e isto não está nada longe da avaliação de preço do meu modelo de análise. Cilic tem um registo sólido frente a adversários ligeiramente inferiores - normalmente é melhor contra os melhores que ele que acaba por sofrer à séria.

Kohlschreiber pode ter hipóteses contra Nishikori


Kei Nishikori é o outro favorito superior a [1.10], com o nipónico a defrontar o carrasco de Alexander Zverev, Philipp Kohlschreiber. Após um grande triunfo frente ao seu conterrâneo germânico na terceira ronda, eu sinto que Kohlschreiber está um pouco subestimado aqui, apesar de Nishikori ter um registo bem sólido até o momento em Nova Iorque nas três rondas anteriores.

Djokovic cotado como se estivesse no pico de forma


Novak Djokovic e Roger Federer são os outros dois favoritos em acção, e o duo está com preço proibitivamente curto, a menos de [1.10] contra João Sousa e John Millman, respectivamente.

Na minha opinião, ambos estão demasiado curtos. Este é o preço base para Djokovic nos seus anos de pico, apesar dele não estar sequer perto desses níveis, como já mencionei em anteriores previsões. Ele está claramente a melhorar, mas também é evidente que não está ao nível que apresentou quando dominou o circuito masculino por algum tempo.

No entanto, João Sousa não é nada de especial em pisos duros - ele tem cerca de 100% combinados de serviço/resposta em termos gerais - e claro, Djokovic tem enormes probabilidades de vencer este encontro, no entanto não existe qualquer valor em apostar nele.

Millman em crescimento pode equilibrar contenda


O mesmo se aplica a Federer. Tal como o sérvio, ele não está perto do seu melhor nível mas deverá cumprir a sua missão frente a Millman, no entanto gosto das hipótese do australiano para cobrir o handicap de jogos proposto.

A minha razão para isto é dupla. Primeiramente, Millman, como avaliei no seu embate de sábado com mikhail Kukushkin, deu um verdadeiro salto este ano e está a jogar o melhor ténis da sua carreira. Embora isto não seja ainda algo perto do nível de elite, eu certamente o considero mais forte que o rival de Djokovic, Sousa, em piso duro nesta fase, e para além disso, no seu anterior confronto, Millman ofereceu forte resistência a Federer em Brisbane.

Federer com dificuldades históricas em cobrir grandes linhas de handicap


Para concluir, Millman raramente tem sido facilmente dominado por adversários na condição de não-favorito, com tendência para equilibrar bastante as coisas e assim cobrir grandes linhas de handicap. Podemos encontrar o preço de [1.74] para ele cobrir o handicap de 8.5 jogos no Sportsbook, e eu gosto desta aposta - Federer cumpriu esta linha de -8.5 jogos em apenas um de sete encontros em Grand Slams de piso duro este ano, sempre que avaliado abaixo de [1.20].


APOSTA RECOMENDADA:
John Millman +8.5 Jogos @ [1.74] no Sportsbook

Ver mercado