Apostas.Betfair

Tour de France 2017 Etapa 17: Froome pode brilhar se decidir jogar ao ataque

Ver mercado

Um dia longo e exigente nas montanhas, escreve Jack Hougthon, que pensa que não devemos ler muito das montanhas já ultrapassadas na corrida - agora será terreno para Froome e Quintana...

"A Classificação Geral terá novidades no final do dia. A não ser que todos os principais protagonistas decidam esperar pela Etapa 18, claro."

Que tipo de etapa nos espera?

Outra etapa de montanha sem final em alto, com a linha de meta a chegar cerca de 30 quilómetros depois da grande besta do dia, o Col Du Galibier, que será passado, complicando as previsões porque um outro tipo de atributo será necessário - a descida - antes de chegar a conclusões quanto a apostas. Os primeiros oito quilómetros da descida serão perigosos, e qualquer ciclista que decida atacar no final da subida terá de ser um bom descedor para forjar uma vantagem que lhe permita aguenta a liderança. Podemos deixar-nos levar pela ideia de procurar quem desce melhor no pelotão, no entanto convém relembrar que será feita uma séria selecção ao longo das exigentes subidas do dia.

Primeiro, os ciclistas enfrentam a longa ascensão de Col de la Croix de Fer, antes de atacarem a monstruosa e longa dupla subida integrando Col du Telegraphe e Col du Galibier, que termina aos 2.642 metros de altitude, o ponto mais alto desta edição do Tour. Aqui, a altitude será um factor: é de esperar que ciclistas que têm estado em boa forma se sintam subitamente ir abaixo a partir dos 2.000 metros. Não importa o quão bem possas descer, pois caso não passes bem nas subidas, isso irá tornar-se irrelevante.


Quem são os favoritos?

Chris Froome [8.20], Romain Bardet [9.00], Rigoberto Uran [12.00] e Fabio Aru [10.00]).

Apesar de tudo o que possamos pensar e dos méritos e demérito que se possam atribuir aos pretendentes à Classificação Geral, na verdade sabemos muito pouco sobre o que poderá acontecer nos próximos dois dias. Até ao momento as subidas foram mais curtas, em menor altitude e com percentagens de inclinação mais pronunciadas, com o final na super-angular em Peyragudes na Etapa 12 a ser um exemplo extremo disso.

Mas agora estamos nos Alpes, e a capacidade para ser forte nos últimos 200 metros de rampas assustadores ajudará pouco. Esta etapa será extasiante, com a Team Sky a impor ritmos fortes ao longo dos 50 quilómetros desde o ponto mais baixo da etapa até ao Galibier. Os ciclistas cairão do pelotão um a seguir ao outro, e ninguém deverá ter capacidade para lançar um ataque significativo. Se Froome vence ou não a etapa poderá depender de quão conservador esteja a pensar ser: como ele já disse, com o contra-relógio em Marselha no horizonte, ele não tem razões para ser agressivo; mas lá está, se ele sentir fragilidades nos seus principais rivais, porque razão não irá ganhar mais tempo?


Quem pode surpreender?

Nairo Quintana [20.00] tem tido uns dias mais calmos e, para além de Froome, continua a ser o ciclista com mais capacidades de alpinista do pelotão. Não será surpresa para ninguém voltar a vê-lo num papel mais proeminente no grupo da frente.

Outro ciclista a ter em conta é Thibaut Pinot [30.00]. O Tour não lhe tem saído bem este ano, mas vale a pena relembrar o seu triunfo no Alpe d'Huez em 2015, podendo assim resgatar a sua corrida aqui. Ele desce mal, é um facto, portanto poderá esperar pela Etapa 18, que termina em alto, para finalmente aparecer neste Tour.


Que efeito terá a etapa nos mercados gerais?

Um dos nossos recomendados da Etapa 16 - que fez jus a isso - Michael Matthews tentará sacar mais uns pontos na luta pela Camisola Verde lançando a equipa Sunweb para a frente, colocando pressão em Marcelo Kittel logo na primeira subida do dia de 2ª Categoria, que irá anteceder o Sprint Intermédio em Allemont. Ele será auxiliado nos seus esforços por Warren Barguil, que deverá acrescentar mais alguns pontos à sua praticamente certa vitória na Camisola da Montanha.

A Classificação Geral terá novidades no final do dia. A não ser que todos os principais protagonistas decidam esperar pela Etapa 18, claro.


Aposta Recomendada:

Chris Froome @ [8.20]

Ver mercado
More Apostas desportivas