Apostas.Betfair

Tour de France 2017 Etapa 18: Final em alto deve favorecer Froome

Ver mercado

A Classificação Geral não ficará finalizada no Izoard, escreve Jack Houghton, mas a não ser que os rivais de Froome lhe causem algum dano nas exigentes subidas do dia, eles ficarão sem quaisquer opções restantes.

"Os três ciclistas que ainda lutam pela Camisola Amarela estão claramente a mostrar que são mais fortes que os restantes rivais, com Fabio Aru a começar a quebrar e os outros já bem longe da condição ideal nesta grandes subias alpinas."

Que tipo de etapa nos espera?

Tal como na Etapa 17, teremos mais um dia para trepadores, com a corrida a voltar a superar os 2.000 metros de altitude por duas vezes, aumentando para quatro em dois dias. A diferença aqui é que a etapa termina numa chegada em alto em Izoard, numa subida com mais de 14 quilómetros com uma pendente média de 7.3%, com algumas secções que superam os 10%, incluindo ainda uma pequena secção que atinge os 14% perto do fim. Os ciclistas que já estiverem a sofrer na mais curta, mas mais inclinada, 1ª Categoria do Col de Vars a meio da etapa, irão sentir ainda maiores dificuldades no subida final, com as diferenças a poderem crescer entre os favoritos.


Quem são os favoritos?

Chris Froome [4.00], Rigoberto Uran [6.00] e Romain Bardet [6.00].

Os três ciclistas que ainda lutam pela Camisola Amarela estão claramente a mostrar que são mais fortes que os restantes rivais, com Fabio Aru a começar a quebrar e os outros já bem longe da condição ideal nesta grandes subias alpinas. Na Etapa 17, Froome correu claramente à defesa nas subidas, mas o facto de ter perseguido tão confortavelmente as acelerações dos rivais sugere que ele pode ser o mais forte do trio.


Quem pode surpreender?

Depois de ter mencionado Primoz Roglic no início do Tour, e de o ter escolhido para vencer uma etapa ao longo da prova, foi um pouco frustrante vê-lo vencer a Etapa 17 num dia em que não tinha dinheiro do seu lado. É um tiro longo, porque a Team Sky irá impor um ritmo forte na frente do pelotão, tornando difícil o sucesso de qualquer escapada, sendo que não há garantias de que Roglic esteja totalmente recuperado dos esforços do dia anterior, mas a [40.00] ele pode ser uma boa aposta para repetir os sucessos de ontem.

Por outro lado, é difícil defender o sucesso de qualquer outro ciclistas. Este será um dia para a Classificação Geral poder ficar decidida pelo que menos ciclistas terão oportunidade de brilhar.


Que efeito terá a etapa nos mercados gerais?

Os organizadores da prova pensaram que a oferta de pontos a dobrar no alto do Izoard apimentaria a luta pela Camisola da Montanha, mas isso não estará em causa: Warren Barguil tem essa competição no bolso. Assim como Michael Matthews na Classificação dos Pontos, onde o abandono de Marcel Kittel lhe garantiu a vitória virtual e o sprinter da Sunweb vestirá a Camisola Verde em Paris.

Quanto à Classificação Geral, será errado afirmar que esta etapa é a última hipótese para alguém tentar causar impacto - os ventos cruzados podem surgir nas próximas etapas e há um contra-relógio em Marselha no penúltimo dia - mas é verdade que este dia tende a ser crucial. Se Froome conservar a Camisola Amarela no final do dia, ele será um favorito a [1.10] que só precisará de fazer os mínimos até ao final do Tour para sair vitorioso.


Apostas Recomendadas:

Chris Froome @ [4.00]

Ver mercado
More Apostas desportivas